segunda-feira, abril 25, 2016

Antes e durante

Já está mais dificil emagrecer... poucas coisas me fazem mal... a quantidade que cabe no estomago é bem maior do que cabia... Voltando a me cuidar melhor pra eliminar os ultimos 10 quilinhos...
Hoje antes do café da manha consegui tomar 500ml de água em 15minutos... dai já da pra ver que consigo muito mais do que conseguia antes. Foto pra não perder o foco, agora ja estou acima do peso, obesa nunca mais... rsrsrs

quarta-feira, novembro 04, 2015

O tempo voou

    Nossa nem acredito que ja  passaram tantos meses. Nem acredito que abandonei meu bloguinho por tantos meses tb kkk. Acabei de ler tudo q  escrevi desde q decidi operar e atualizei o meu peso.
    Como nove meses passaram tão rápidos. Eu ja emagreci mais de 45kg e continuo com IMC de obesidade, mas agora estou no grau I, muito longe de estar satisfeita com meu corpão, mas feliz por estar usando calça jeans numero 48. Já comprei um monte, agora parei porque sei que vou perder tudo.
    Segundo o meu gastto ja eliminei o peso que ele imaginava e perguntou se eu queria perder mais..... sim... clarooo. Quero emagrecer pelo menos mais uns 20kg.
    Tem horas que me sinto linda e em minutos já estou me achando gorda demais, sei q isso é caso de psicanalise e me controlo muito.
     Hoje estou com mais pressa de me ver magra, se é que um dia vou me ver assim.
     Bem, eu deveria estar fazendo mais atividade fisica, mas ando muito preguiçosa, eu deveria estar comendo mais verduras e legume, mas deu uma enjoada e sei q logo passa, e não deixei de comer só estou comendo menos.
    Agora que o emagrecimento se tornou mais lento me sinto um pouco mais ansiosa, me controlando sempre pra não descontar nas comidas, ja que agora sempre cabe um pouquinho mais que antes no estomaguinho.
    Estou tomando varias vitaminas, Materna, Pantogar, Vitasol D capsulas gelatinosas, Noripurum folico e no mês passado tomei a ultima citineurim 500 do ano rs, de uma serie de 3 uma por mês.
   Preciso passar mais por aqui, é muita coisa pra contar de uma vez só.
   

sexta-feira, abril 17, 2015

Dias Atuais

        Passei super bem pelas dietas pastosas e começar a servir em roupas q estavam guardadas faz tempo da um super animo.
        Estou com 80 dias de operada e nunca entalei nem tive dumping.
        Ontem passei em consulta com o Gastro a Psico e a Nutri, o Gastro mandou eu tomar injeções de citoneurin 5000, a Psico mandou eu voltar lá daqui um mês e a nutri me passou pra dieta branda.
        Tomei a primeira injeção e doi sim... não a picada mas depois q entra o liquido me lembrou a dorzinha das injeções na barriga, mas como acabei de tomar ainda não sei o q vou sentir depois.
        A dieta branda eh como todos nós deveriamos comer sempre, com o facilitador de que não cabe muita coisa no estomago.
        No geral estou bem, estou disposta, ativa, e sem muita pressa de ser uma pessoa magra. Estou curtindo cada momento com felicidade.
       Depois vou falar mais sobre cada dieta. Até mais.

terça-feira, março 17, 2015

40 dias de liquidos

        Passei 40 dias só bebendo minha alimentação. Não foi fácil, mas também não foi tão difícil assim. Foi ficando cada vez mais fácil engolir os 200 ml por refeição e o cuidado tinha q ser cada vez maior pra não exagerar nas goladas. Eu sentia como se não tivesse feito cirurgia, tirando a fome q nunca mais senti, estava tão fácil me alimentar q ficava na duvida se estava com o estomago menor mesmo.
        Como nada é eterno foi ficando difícil me alimentar por conta dos sabores q nunca mudavam e eu já estava enjoada de sentir sempre os mesmos. Os caldos e até a sopa q ficou mais grossinha nos últimos dias eu não aguentava mais colocar na boca. Com isso e a falta de fome estava fácil pular refeições, mesmo sabendo q isso prejudicaria a dieta e a saúde. Meu intestino começou a funcionar em dias alternados e o xixi era tão pouco q eu estava ficando preocupada.
        Resolvi dar um basta e seguir a risca a dieta, comecei a beber mais leite batido com frutas e polpas, a bater os legumes da sopa separado da carde e depois misturar só o caldinho, beber mais sucos de fruta.
        E com essas mudança consegui terminar os dias só de líquidos bem e ansiosa para a dieta pastosa.

terça-feira, fevereiro 24, 2015

E o Sol voltou a brilhar

        Quando cheguei em casa e dormi uma noite inteirinha em minha cama no dia seguinte o sol brilhava novamente. Acordei bem, o enjoo praticamente tinha acabado, aquele incomodo no estomago tinha sumido, Mas estava começando outro desafio.
        Me alimentar é sempre um desafio, por enquanto. Acordei cedo comecei de copinho em copinho daqueles de café seguindo as ordens da nutri, Iogurte, gelatina, caldo, gelatina, iogurte, caldo, gelatina, água de coco. troquei muitas vezes a gelatina por geladinho e ou leite puro.
       O desafio era conseguir enjerir 200 ml a cada 2 horas num total 1500 a 2000 ml por dia com golinhos de água nos intervalos. IMPOSSÍVEL.... pra mim.
       A primeira semana foi ótima, a cada quilo eliminado eu ficava mais feliz, o q era na faixa de um quilo por dia. Na segunda semana voltei a cozinhar para as crianças, coisas fáceis pq ficar em pé me cansava muito. O duro é não poder experimentar se está bom de sal.
       Nessa faze eu estava tomando antibiótico, a proteína em pó e a vitamina de alta absorção, tudo liquido, e ainda o lisador ecaaaaa. Meu maior desconforto era na hora de dormir, parecia q aquela hora começava a incomodar o estomago, mas eu não reconhecia esse incomodo como dor, mas mesmo assim comecei a tomar o lisador na hora de dormir e deu certo, passava o desconforto.
        O maior medo nessa época é de que os grampos do estomago se soltem, então aprendi a ter medo da ingestão de qualquer coisa inclusive os líquidos, qualquer dorzinha de gases eu ficava apreensiva. Cheguei a sonhar que tinha comido sem querer rs.
       Uma coisa muito boa é q a fome acabou, o estomago não sente nem fome nem satisfação, o único cuidado eh pra não enche-lo demais.
        Meu intestino funcionou todos os dias, as vezes mole, as vezes duro, um cheiro horrível q eu nem sei de onde vinha. Muito xixi, cada refeição tinha q fazer xixi. Muitos, muitos gases, cada gole de liquido parecia q eu engolia ar junto.
       Depois de 15 dias eu estava feliz por ter sobrevivido e ja ter passado o pior q era a cirurgia.
     

quarta-feira, fevereiro 11, 2015

Dia da alta

        Operei dia 26 de janeiro e recebi alta dia 29 de janeiro, fiquei um dia a mais no hospital pra poder passar com minha nutri na quinta feira sem ter que viajar de novo.
         No dia da alta e no dia anterior foi liberado o chá, a água de coco, e a água, tudo q eu não gosto, mas tentei dar golinhos o dia todo porque a meta de 50 ml a cada meia hora eu não consegui alcançar nenhuma vez. Ainda me sentia muito enjoada, odeio chá, água de coco só gosto bem gelada e de coco de verdade, de caixinha não gosto, e a água mineral tinha gosto de ferrugem. Então só dei golinhos mesmo. Não sentia fome, nem vontade.... só enjoo.
        O cirurgião me deu alta ao meio dia, meu marido já estava lá com as crianças, ai q saudade da minha pequena, chorei, eu ainda muito ruim de enjoo e um incomodo muito grande no abdômen, ainda parecia q eu não conseguia respirar, fomos para casa da mãe de uma amiga linda q eu amo rs, e ficamos lá até a hora da consulta. Essa mãe da minha amiga,  foi minha segunda mãe, passou um tempo comigo no hospital, tentou por vezes me acalmar e viu meus faniquitos impacientes sem saber o q fazer pra me acalmar, eu tenho q agradecer muitas pessoas q me ajudaram a passar por tudo, mas essa minha amiga q é minha irmã faz anos e a mãe dela foram muito importantes nesse processo. OBRIGADA AMO VCS.
        Bem, passei na nutri e ela liberou a primeira dieta totalmente liquida, não via a hora de chegar em casa e começar essa dieta. Na dieta consta, iogurte light dissolvido na água, leite desnatado dissolvido em água também, gelatina diet, geladinho de suco de fruta dissolvido, suco de fruta natural dissolvido e o caldo de carne, frango ou legumes. Nisso eu via meu paladar sendo aguçado, finalmente por gostos atraentes. Tudo isso com hora certa e em pequenas porções de 50 ml a cada meia hora.
        Ainda sofri mais um pouquinho até chegar em casa. Mas a hora que chegamos e eu deitei na minha cama, com meus lindos travesseiros,,,, parece q foi tudo melhorando e eu tive uma noite maravilhosa de sono.

sábado, fevereiro 07, 2015

O dia seguinte da cirurgia

        Acordei super enjoada no dia seguinte, mas foi o momento de levantar, tentar fazer mais xixi e tomar banho, um pouco antes disso me deram um remédio pra dor q me fez passar muito mal, eu suava frio e tinha ânsias de vomito, mas não vomitava porque estava com o estomago vazio. Senti isso mais umas 2 vezes até o cirurgião retirar esse remédio.
       Tomei um banho delicioso, com um pouco de dificuldade de ficar em pé e muito enjoo. Mamãe me ajudou a secar e colocar roupa. 
        Nesse dia foi a primeira vez q tive q trocar o soro de lugar, não me importo q me furem toda, eu só não gosto que fique chuchando a agulha lá dentro pra achar a veia, e isso todas fizeram.
        Foi nesse dia q comecei a me sentir muito mal, um desconforto muito grande, uma aflição de não achar posição naquele colchão horrível com aqueles travesseiros super desconfortáveis, aqueles remédios que me deixavam com um gosto terrível na boca mesmo sendo aplicados na veia, tentava não pensar muito, mas sabia q tinha um dia inteirinho a mais pra ficar naquele lugar desconfortável, com um enjoo q não passava com nada.
        Não pude deixar de me arrepender de ter feito a cirurgia nesse dia, pensava o que estava fazendo ali, como não fui capaz de fazer dieta e exercícios e tive que me enfiar naquela situação onde eu não tinha controle sobre a situação, estava a merce de enfermeiras na maioria estagiarias q não sabiam nada sobre mim e parece que não acreditavam q eu não estava me sentindo bem. Vinham me dar remédio pra enjoo nos poucos momentos em q eu estava bem ou dormindo e quando eu tinha enjoo não podiam me dar o remédio pq não tinha dado o horário ainda. Nem preciso falar q pela primeira vez odiei ficar no hospital.
        Nesse dia meu cirurgião liberou 200 ml de água pra eu beber durante o dia todo de 50 em 50 ml no máximo. Consegui beber bem pouco, mal conseguia sentir o cheiro da água, sim a água mineral q me serviram no hospital tinha cheiro e gosto. Tudo em mim sentia demais, muito calor, muito frio, muito cheiro ruim, todo cheiro me enjoava naquele hospital até do micropore, 
        Mais uma noite sem dormir, porque mesmo sem dor e sem enjoo, porque quando durmo passa, as enfermeiras vinham aplicar os remédios porque tinha dado a hora,